O Eu Superior é a parte que sabe tudo da sua vida, sem divisão de passado, presente ou futuro. Na verdade, o Eu Superior contém toda sua sabedoria acumulada dessa e de outras existências.

Por isso, a conexão com ele é importante para te guiar a tomar as decisões que mais se alinhem com o seu propósito.

Conectar-se com seu Eu Superior, no entanto, envolve dedicação e disciplina. Quanto mais interiorizado estiver, mais enriquecedor será o contato com a fonte direta do seu ser.

Assim, antes mesmo de se conectar com ele, é preciso que você alinhe suas energias, harmonize seus pensamentos para “limpar” o caminho.

Nos meus cursos, costumo ensinar os alunos a correrem energia durante a conexão com a Terra e o Universo. É uma das formas iniciais e práticas para começar a remover impurezas e emoções tóxicas no seu corpo.

 

Conexão diária

O contato com o Eu Superior não se resume apenas a uma mentalização energética. Este momento também é propício para você fazer perguntas a ele.

Pode ser para o seu dia ou ainda para obter alguma inspiração sobre como lidar com determinado assunto.

Quando não tem alinhamento, qualquer pergunta que fizer, poderá gerar insegurança se as mensagens que chegam são do ego ou do Eu Superior.

Quando você desenvolve sua intuição, assim como os seus canais intuitivos, não existe esse medo. Você então se familiariza com a maneira com quem as respostas vão chegar.

Por isso, trabalhar diariamente a intuição e se conectar com seu Eu Superior é de extrema importância.

 

Como chamar o Eu Superior

Você vai se acostumar facilmente a estabelecer essa conexão na sua rotina, desde que tenha comprometimento consigo mesmo.

Para atraí-lo para mais próximo de você, basta fazer atividades que te tragam leveza e te façam sorrir. Adquira o costume de identificar algo no seu dia para celebrar e realizar.

Se estiver passando por algum momento mais delicado, faça algo que possa elevar sua vibração. Algo que faça você se reconectar com sua essência.

Ele vai estar mais próximo de você, pronto para te passar as informações que desejar, desde que esteja na mesma faixa vibracional. Isso porque o Eu Superior não sabe se relacionar com o drama.

 

Os 3 passos para estabelecer uma conexão mais pura

1. Procure estar cada vez mais consciente da sua energia e do que está ressoando a cada instante. No dia a dia, seus padrões tendem a seguir o medo, a dúvida, a tristeza, a mágoa ou a gratidão, esperança e otimismo?

2. Observe o que pensa, sente e fala. Você está mais concentrado em julgar o que os outros estão fazendo ou na sua contribuição? Coloque-se no lugar das pessoas que te incomoda e mude suas percepções.

3. Seja íntegro íntegro consigo mesmo. Se disser que vai fazer algo, então faça. Respeite-se. Todos nós carregamos diversas identidades dentro de nós, de mãe, funcionário, amigo e etc. Decida a identidade central que quer assumir e se esforce por aprimorá-la.

Estes passos nada mais são do que etapas para a nossa reforma íntima. Se você sente que este é o seu momento, venha conosco acelerar essa transformação interior.

Conheça o curso que te ensina a se conectar com seu Eu Superior e acessar seus registros akáshicos. O Curando a Criança Interior é o primeiro módulo para quem deseja ser praticante em leitura de registros akáshicos.

Se quiser saber mais, confira o texto sobre o poder de influência dos registros emocionais da Criança Interior na sua realidade.

Venha para nosso retiro online e manifeste uma nova realidade!

Confira mais informações sobre o módulo Curando a Criança Interior: uma Jornada de Cura e Reconexão com os Registros Akáshicos.

 

Foto: Giulia Bertelli / Unsplash